Pages

sábado, 9 de julho de 2011

Viagem ao leste e sudeste da Turquia


























Pessoal, estive afastada por uns dias por um excelente motivo: fiz uma viagem ao leste e sudeste da Turquia. Esta região não costuma ser das mais visitadas pelos turistas estrangeiros, pois é uma área de maioria étnica curda ( e também árabe), e no passado, e ainda hoje, é uma área onde as pessoas tem certo receio de visitar, já que esporadicamente acontecem alguns ataques terroristas ( de um grupo de curdos que reivindica a posse de toda a região ) contra autoridades do governo turco. Na verdade existe muito preconceito com relação a promover visitas turisticas por lá, mas atualmente o governo da República da Turquia está investindo bilhões de liras na melhoria das estradas e infra-estrutura geral da região e o turismo está começando a ser desenvolvido. Pude notar a presença de vários grupos de turistas turcos e também de muitos estrangeiros. Em nenhum lugar da Turquia se vê tantas estradas sendo duplicadas, é impressionante! Durante toda a viagem, feita de carro, não houve nenhum problema. No começo estava com certo medo, mas depois, ao ver a beleza, riqueza cultural, e amabilidade dos habitantes, afirmo que toda essa área é uma das, senão a mais, interessante e bela região da Turquia, onde realmente o turista pode sentir-se no oriente médio e em algum lugar do passado muitas vezes. Visitei as seguintes cidades e arredores: Sanlinurfa, Mardin, Batman, Van, Diyarbakir e Adiyaman, onde está localizado o famoso monte Nemrut. Postarei aqui no blog uma série de artigos sobre todos os locais visitados, com comentários e minhas impressões. As fotos a seguir são apenas para dar o gostinho do que está por vir. Me aguardem!



Foto 1: O legendário e impressionante Monte Ararat, que pode ser visto perto da fronteira com o irã, em Dogubeyazit;


Foto 2: Camelos sendo usados como meio de transporte de carga e de pessoas, em Harran, região de Sanlinurfa;


Foto 3: Moças árabes que vivem em Harran. A que está sendada ao lado do rapaz é fã da Shakira e eu passei a chama-lá pelo nome da cantora;


Foto 4: Cachorrinha (típico cão do tipo pastor do interior e região de campo da Turquia) na ponte romana de Septimius Severus, em Adiyaman;


Foto 5: Meninas curdas da periferia de Diyarbakir, que pediam para serem fotografadas a todo momento.




7 comentários:

Mari disse...

Nossa, e que gostinho de quero mais vc deixou!Amiga, que fotos mais lindas!

Sendo contada por ti essa aventura, escrevendo com o cuidado da pesquisa, e, o quê a mais da opinião de um arqueólogo particular, será uma bela fonte de informação turística e histórica em português! Sério!

Bela viagem fizeram o querido casal de amigos. Que beleza!
Bj
Mari

Lau* disse...

Gostei :)

Tem selinho para ti lá no meu blog!

Bjos

ManDrag disse...

Minha amiga, estás te revelando uma verdadeira repórter de viagens. As fotos estão óptimas e os instantâneos do quotidiano das gentes locais revelam uma cumplicidade simpática com costumes nem sempre percebidos pelos estrangeiros.

Então foi por esse monte (Ararat) abaixo que o pessoal desceu quando saiu da arca da bicharada. rsrsrs Esse monte também é mítico para os arménios, por simbolizar a coragem deles e determinação pela sua independência.

Na segunda foto, além dos camelos, o que me chamou mais a atenção foi o contraste deles com o sistema de aproveitamento de energia solar para aquecimento de águas. Isso é viajar no tempo!
Tal como a presença da geladeira da pepsi numa esplanada com tapetes típicos das tradições islâmicas.

A nota de que a ponte era romana fez toda a diferença na foto da cadela pastora. Por onde quer que viajemos na bacia mediterrânica encontramos sempre um ou outro vestígio da presença civilizadora dos romanos. Quase que dá para acreditar que ainda a humanidade desaparecerá e os vestígios romanos permanecerão como marcos.

E continuamos esperando por mais destas pequenas reportagens maravilhosas.

Abraços, com amizade.

Hürrem disse...

Prezada Lau, obrigada pelo comentário e pelo selinho,vou visitar teu blog!
Amigo ManDrag, que falta fazem teus comentários por aqui! Vc realmente prestou atenção em todos os detalhes das fotos, nada passou despercebido! Muito bom! Sim essa viagem foi muito linda e aprendi muitas coisas, que pretendo compartilhar aqui no blog. Quanto aos romanos, vc tem toda a razão, os vestígios deles estão por toda a parte, vc poderá confirmar isso nos próximos posts. Abraços com amizade

amo pintar disse...

ola amiga gostaria que voce me falasse um pouco de sanliurfa pois tenho uma pessoa muito especial nessa cidade ..como as pessoas vivem como é essas moradias de aldeias ...muito obrigado pelo seu lindo blog beijos ednacampos1971@hotmail.com

Hürrem disse...

Olá Edna,
Obrigada pelos comentários! Vou te escrever sobre minhas impresões a respeito de Urfa brevemente, pode deixar! Um abraço grande

Mustafa Goktepe disse...

Prezada amiga,

Eu não tinha visto esse blog antes, embora conheça um monte de outros blogues de brasileira que moram na Turquia.

O seu tem um destaque por se tratar de um blogue que fala dos passeios pessoais pela Turquia e com fotos muito bacanas, que reflete o cotidiano do povo turco, curdo, árabe, enfim cidadãos da Turquia.

Como você diz nesta mensagem, realmente você está passeando pelos lugares que turista comum não iria.

Eu conheci só mais uma brasileira, uma escritora, que fez uma viagem completa pela Turquia. Passeou mais de 27 mil km de carro na Turquia e escreveu um livro, chamado Luzes da Turquia. Ela se chama Heleny Galati e mora em Londres há alguns anos.

Parabéns pelo trabalho e obrigado pela divulgação da cultura do meu país.

Abraços.