Pages

terça-feira, 12 de abril de 2016

Novela Sila (Sıla em turco)

Tenho recebido muitos e-mails de pessoas que querem conhecer um pouco mais sobre a cultura turca, especialmente após a estréia da nova novela da Band : Sila
O que precisa ser entendido quando se fala sobre "cultura e costumes" turcos é que a Turquia é um país composto de várias etnias.  Esse assunto sobre etnias é um tanto complexo para nós brasileiros entendermos bem, já que no Brasil somos todos nacionais brasileiros e não temos uma etnia em si, somos miscigenados, nossa história demonstra bem essa questão. No entanto, em outros países, como na Turquia, existe o tema das etnias e as mesmas muitas vezes ocasionam conflitos políticos, ideológicos, culturais e territoriais.
A população da Turquia é composta em sua maioria de pessoas da etnia turca, em segundo lugar de cidadãos de etnia curda, porém todos são nacionais turcos. De acordo com alguns antropólogos e estudiosos, viveriam na Turquia cerca de 40 etnias diferentes.
Falando bem resumidamente sobre os curdos, essa etnia não possui um país (o Curdistão) e está espalhada pela Turquia, Irã, Iraque e Síria.
A Turquia tem muitos problemas com essa questão dos curdos, que possui um grupo considerado terrorista (PKK),  e que promove ataques no país para pressionar as autoridades turcas a entregarem a zona lesta da Turquia para que possam formar o Curdistão. Bem resumidamente a questão seria essa, logicamente que essa questão dos Curdos daria um artigo longo e complexo, pois o tema não é simples, envolve aspectos culturais, econômicos e políticos.
Mas o que os curdos têm a ver com a novela Sila? Expliquei esse tema porque Mardin e toda aquela área da Turquia faz parte da área reivindicada pelos curdos e a população daquela cidade é de maioria curda. Logo, todo aquele clã e aquela cultura mostradas na novela fazem parte do modo de vida de grupos curdos. Esclareço que nem todos os curdos vivem daquela maneira, apenas algumas comunidades vivem daquela forma como vive o clã do personagem Boran.
Outro exemplo que a novela Sila nos mostra sobre etnias diferentes é em relação ao personagem Abay, melhor amigo de Boran, que é cristão ortodoxo e de etnia suryani (etnia proveniente da Síria originariamente)
Outra coisa a se observar na novela é que as mulheres que cobrem os cabelos o fazem não por motivos religiosos e sim por motivos culturais, o que é bem diferente (vejam as fotos abaixo), já que as que cobrem por motivos religiosos não podem deixar que nem um fio de cabelo apareça, o que não acontece com as que cobrem por motivos culturais.
Sendo assim, a cultura que está sendo mostrada em Sila deve ser encarada como parte da cultura curda/árabe e não turca, embora todos sejam de nacionalidade turca.



                             Personagem Boran usando um lenço tipicamente usado pelos curdos/árabes


                              Um pouco mais de Boran para alegrar as seguidoras do blog :)



                Personagem Narin cobrindo os cabelos com um lenço tipicamente cultural e não religioso



                            Exemplo de mulher que cobre os cabelos por motivos religiosos



                   Outro exemplo de mulher cobrindo os cabelos por ser muçulmana


                      Família de Sila e Boran utilizando trajes típicos da cultura curda/árabe


* As fotos constantes deste artigo não são de minha autoria como sempre, e sim retiradas da internet.






99 comentários:

majobe-cursos de formação de pais disse...

Muito bom seu Blog. Veio mesmo a calhar nesse momento de novela. Suas explicacoes foram magnificas. Esclareceu muita coisa.

Gostaria de saber sobre as casas dos ricos e dos pobres.

Obrigada pela atencao.

Maria Jose Berti.

Marly Guadalupe disse...

Oi... parabens pelo artigo... conhecer culturas diferentes.. principalmente essa.. q estamos assistindo as novelas turcas .. nos faz compreender melhor... adoro conhecer culturas diferentes. . tradiçoes.. entender melhor o q acontece nesse mundo....

Hürrem disse...

Muito obrigada pelos elogios meninas ! :)
O que você quer saber sobre as casas dos ricos e pobres Maria José?
Beijocas
Hürrem

Jezelita disse...

O pouco que sei da cultura turca me fascina.Tenho um sonho e espero não morrer antes de realiza-lo: conhecer a turquia. Gostei das explicações parabêns pelo blog.

Anônimo disse...

Gostaria de saber o q é aha, não sei se é assim q se escreve, mais é o q o personagem Boran da novela Sila é

Hürrem disse...

Anônimo o Ağa (se pronuncia aa) é um termo antigo , ainda do tempo do império otomonano, e significa o chefe, a autoridade máxima de uma comunidade. Tipo um pequeno rei da comunidade.

Unknown disse...

Parabéns por seu blog. Esta cultura de fato é muito diversificada. Parabéns também a rmiddora de televisão que está lançando um grande desafio a cultura novelesca do Brasil com as novelas turcas.

Hürrem disse...

Espero que a emissora invista ainda mais nas novelas turcas! :)

Cristiane disse...

Gostaria de saber se ainda hoje existem clãs nos moldes como vemos na novela? Ainda hoje os casamentos são arranjados pelos familiares das jovens?

Ellem Ferreira disse...

Estou gostando muito da novela e torço para que a sila e o boran fiquem juntos logo.

Unknown disse...

Obrigada pela explicação, busquei na net também o que significava!! Cresci entre turcos, mas não conhecia essa palavra, aliás amo a comida turca!!!

Agro Bio disse...

A novela me levantou as mesmas dúvida. Valeu pelos esclarecimentos. Gostaria apenas de dizer que também temos etnias diferentes etnias no Brasil. O prolema é que os brasileiros não as reconhecem, as colocam o tempo todo na invisibilidade, principalmente no Sul, Sudeste e Nordeste do país. Segundo dados do censo do IBGE realizado em 2010, a população indígena no Brasil é 817.963 mil são indígenas, representando 305 diferentes etnias e falando 274 línguas indígenas. Há ainda pelo menos outros 69 grupos não contatados. Portanto, temos diversidade de etnias sim. Abraços

Unknown disse...

Qual e o significa de boran aha

Quelli Faria disse...

Eu também gostaria de se ainda hoje existe esse tipo de casamento e se tem Aga hoje em dia...

Hürrem disse...

Tens toda a razão Agro Bio! Tinha esquecido do tema dos indígenas. Obrigada por trazer mais informação a esse debate! Até porque, como no Brasil a gente não tem problemas étnicos, como guerras e conflitos, nós acabamos esquecendo esse tema tão importante que é dos indígenas.

Hürrem disse...

Desconhecido, eu postei em um comentário acima sobre o que significa o Ağa. Boran você sabe, é nome próprio.

Hürrem disse...

Quelli, sim ainda existem casamentos arranjados, mas são poucos, ocorrem mais entre a população curda e conservadores turcos. O que é relativamente mais comum, mas não ocorre com a maioria não, ocorre mais nas cidades pequenas, é que a família da moça apresente a ela o filho de uma família amiga, caso ela goste e o rapaz também, eles já assumem um namoro, que dura bem pouco, depois já ficam noivos e em seguida casam. Os turcos não são de namorar por um período longo, os namoros são curtos, logo passam para o noivado e casamento.

Marcia disse...

Olá, o seu texto é esclarecedor do ponto de vista cultural e etnico. Mas ainda paira uma dúvida: o que é verdade e o que não é nessa tradição de matar pessoas, inclusive membros da própria família, filhos, irmãos, caso não cumpram alguma das leis impostas pelas tradições.
Os casamentos arranjados sempre foram notícia inclusive, também é a cultura de outros países.
Mas e essa prática de matar pessoas, isso é real?

sos animais disse...

Ainda existem Agas em Mardin na Turquia?
Marlene

Wan Soares disse...

Olá! Parabéns por estas informações. por outro lado é muito triste um povo ter suas tradições... cultura, mas não ter um País. vejo de uma forma que a novela (Sila) estar apresentando estas Etnia em meio a esta homogeneidade de culturas.

Larissa Favacho disse...

Hürrem e essa história toda da tradição? isso realmente acontece?

Maria disse...

Olá, gostaria de saber sobre as calças que os personagens masculinos da série/novela Sila usam. Seriam Harem ou Saruel?
E sobre as moradias,que são todas feitas de pedras como aliás, todas em Mardin. Dá-se a impressão que há um pavimento para cada morador na casa.
Grata pelo que eu li até aqui no seu blog!

Hürrem disse...

Sim, infelizmente acontece Larissa, embora não seja tão comum. Essa tema da tradição é dos povos de origem curdo/árabe, não dos turcos. Pessoal turco mesmo, de etnia turca, não apenas de nacionalidade turca, não tem esse tema de tradição. Já os curdos sim.

ciça disse...

Muito interessante seu blog, muito obrigado por nos transmitir informações sobre os costumes e toda esta cultura linda. Que estou descobrindo através destas novelas turcas que estão renovando nossos conceitos de novelas.Parabéns.

Perola disse...

ótimo texto sobre a Turquia e sobre a novela Sila, esclarecendo a todos sobre etnia. Estava em duvida sobre a religião da familia de Boran. É Mulçumana? se ele é arebe/curdo pode ser?

LIVROS QUE EU LEIO disse...

Gostei muito do seu blog já venho acompanhando a algum tempo ,como sou uma fã da Turquia e seus costumes ,suas matérias são muito esclarecedoras. ..obrigada

Hürrem disse...

A religião da família do Boran é muçulmana, creio que sejam curdos, porque no começo da novela, se você ver a versão em espanhol, o pai da Sila fala algo quando entrega a Sila para o pai adotivo e este pergunta a outra pessoa o que ele disse...ele deve ter falado algo em curdo. Naquela região da Turquia, se fala o turco mas também o curdo. Mas como o pai adotivo da Sila era de Istambul, não entendeu. Os costumes curdos e árabes são bem parecidos.

Hürrem disse...

Mari, sim as casas são quase todas de pedras naquela região, pois são consideradas patrimônio cultural e não podem ser modificadas. Mas existem sim casas que não são de pedras, são normais. Sobre as calças, elas se chamam shalvar em turco.

Hürrem disse...

Sim ainda existem Ağas na Turquia, mas não muitos, somente em pequenos grupos de origem curda/árabe.

Glória Ferraz Rosa disse...

Correto

Glória Ferraz Rosa disse...

Pequeno principe regional!

levi carvalho disse...

Oi boa noite!

Me chamo Levi e moro em Fortaleza no Ceará.

Hurrem, também sou um apaixonado pelas novelas turcas, e em especial a novela Sila tem me encantado. Minha dúvida é.A região de Mardin (fiquei muito feliz em saber o significado da palavra, é o nome da minha cidade Fortaleza), voltando ao assunto, Mardin é um local seguro? que tipo, posso viajar para conhecer a região ou é um lugar violento e muito perigoso? E como deve proceder estando nessa cidade o que posso e não posso fazer.
Meu email: levicarvalho.oliveira@gmail.com

Hürrem disse...

Olá Levi,
A Turquia como um todo não é um país onde existe violência urbana como a gente conhece no Brasil e América Latina. Algumas pessoas têm medo de fazer passeios pela região leste da Turquia por causa do tema do terrorismo, pois já aconteceram ataques terroristas promovidos por grupos separatistas curdos. Minha opinião é a de que é mais seguro fazer passeios na região com grupos de turistas, em passeios promovidos por agências de turismo, pois os separatistas não atacam civis, eles geralmente atacam o exército e polícia turca. Não creio que vc tenha problemas em visitar Mardin, é um local encantador, tem vários eventos culturais que lá ocorrem, a vida lá é normal.

taty santana disse...

Essa Novela e maravilhosa .... a cultura desse povo e muito interessante..
estou apaixonada pela novela e pelo Boran.

taty santana disse...

Estou amando as novelas turcas .... Sila então estou apaixonada por tudo ...o Boran então..

Maria Aparecida dos Santos disse...

Obrigada, pela resposta e pela rapidez em responder!!

Unknown disse...

Olá meu nome é Israel,também vejo a novela sila e admiro muito a cultura e a honestidade do povo turco,gostaria de saber se ainda existe esta tradição de se matar a esposa e a família como se mostra na novela.

Anônimo disse...

Desde a novela Mil e Uma Noites, estou encantada com a Turquia e suas culturas e tradições. Diferente das novelas brasileiras, as novelas turcas são limpas e ótimas para assistir em família. Se Deus permitir, um dia quero conhecer Mardin e outras cidades que não sejam vítimas do terrorismo. Seu Blog está de parabéns por explicar tão bem sobre as tradições e costumes, e por nos esclarecer com detalhes todas as nossas dúvidas e curiosidades. Se tiver alguma página no Facebook, divulga se for possível. Beijos e parabéns novamente.

Thaísa / João Pessoa / Paraíba / Brasil.

Hürrem disse...

Olá Israel,
Eu respondi em um dos comentários acima sobre essa questão da tradição. Dá uma olhadinha logo acima. Abs.

Hürrem disse...

Olá Thaísa,
Não tinha pensado em uma página no facebook para o blog, mas vc me deu uma excelente idéia! Obrigada! Vou abrir uma página no face e aviso a todos. Beijocas.

Anônimo disse...

Blog lindo.muito obrigada pelas postagens gostaria de esclarecer sobre etnias no Brasil. Nos povos de etnia cigana (roma)nunca somos lembrados. Somos brasileiros e somos romanó.

Marina Frankowiak disse...

Muito boa a matéria... Por favor façam outras Ainda explicando a Culinária, cidades e cartões postais da Turquia... ��

Sônia Manzoni disse...

Boa tarde Hürrem, gostei muito do seu blog, bons esclarecimentos, vou acompanhar.

Glauce disse...

Boa noite Hurren
Gostei muito do seu artigo. Quando comecei a assistir a novela, a primeira impressão que tive é que o povo retratado ali tinha "algo" de curdo mesmo. Reconheci isso no lenço usado por Boran e nos trajes locais, por exemplo. E o que mais me atrai na trama, é justamente a "pegada" da autora da novela, ao tocar nessa ferida que ainda persiste em pleno século XXI - a opressão das mulheres.

Soraya Soso disse...

Olá Hurrem, acabei de conhecer seu blog e estou amando! Também tenho uma dúvida sobre a novela Sila; porque eles nunca se beijam? É normal as novelas turcas não haver beijos na boca? Cheguei a pensar que os atores não se davam bem na vida real. Obrigada
Soso

Maria Hawley disse...

Adorei seu blog. Gostaria de saber mais sobre o modo de vida do pobre e do rico.

Abç...

Vania £eitoza disse...

Excelente iniciativa. A exibição das novelas despertou a curiosidade para temas complexos de uma cultura pouco conhecida. Busquei informações na Internet e encontrei muito pouco.

Hürrem disse...

Olá Marina,
Sobre culinária eu fiz já algumas matérias, dá uma olhadinha nos links abaixo. Sobre cidades, pesquisa no blog, tem várias matérias sobre cidades. Vou escrever mais ainda, com certeza :) beijos


http://vida-na-turquia.blogspot.com.br/2011/04/culinaria-turca-parte-1.html

http://vida-na-turquia.blogspot.com.br/2011/04/culinaria-turca-parte-2.html

http://vida-na-turquia.blogspot.com.br/2010/12/culinaria-turca-skma-e-gozleme.html

Hürrem disse...

Soraya,
Os turcos não são de beijar na boca em público, não gostam mesmo. A coisa está mudando um pouco. Na época de Sila, 10 anos atrás, não era muito comum beijos em televisão, agora já tem mais. E além disso tudo, existe o boato, que saiu nos tablóides turcos, que o ex-noivo da atriz, Cansu Dere, não permitia que ela ficasse beijando outro ator.

Hürrem disse...

Anônimo, sobre os ciganos vc está certíssimo, estão presentes no mundo todo e no Brasil também.

Hürrem disse...

Maria Hawley,

Os pobres não são tão pobres como no Brasil, que são miseráveis. Na Turquia é muito difícil ter mendigos e pedintes nas ruas, agora se vê mais por causa dos refugiados sírios. Mas turco mesmo é difícil ver mendigando ou pedindo.
Quem é rico vive maravilhosamente bem em qualquer parte do mundo! srsrsrssrs

Ruth Abreu disse...

Olá!Gostaria sabe porque não tem beijo em sila? E o custume ou religião
Mas em outras novelas tem por ex:em fatima Gul.

Hürrem disse...

Olá Ruth,
Já respondi sobre essa questão em um comentário mais acima. Dá uma olhadinha.
Abs
Hürrem

Simone de Oliveira kruglenskis disse...

Olá. Boa noite.
Acompanho todas as novelas da Banda(amo). Gostaria de saber se essa novela Sila é uma ficção, em relação esses Clãns, sentenças e regras? Se não é, saberia me informar nomes de livros que falam mais sobre isso? Adoro ler sobre outras culturas , isso muito interessa.

Obrigada.

Anônimo disse...

Olá gostei muito dos seus comentários e dicas.
Você conhece algum dicionário de nomes próprios curdos/turcos.
Gostaria de saber o significado de Bedar Sila Boran etc.
Van Vetos

Adriana disse...

Ola, gostei muito do seu blog, me esclareceu bastante sobre a Turquia, estou adorando a novela sila, mais ja fazem 10 anos que passaram a novela sila, pra mim não tinha tanto tempo assim. Obrigada pelas explicações e parabéns pelo blog. Bjos

Maria das Graças Mota Barbosa disse...

Gostei muito das explicações sobre a cultura e costumes da Turquia, amo a novela Sila!

Hürrem disse...

Oi Simone dá uma olhadinha nos meus comentários acima que falei sobre esse tema dos clãs. A novela em si é ficção, mas esse tema da tradição, que se chama Vendeta (isso de matar os outros pelos costumes) acontece sim como eu expliquei acima, em povos e comunidades curdas e árabes do interior. A respeito de livros sobre o assunto acho que tem sim em turco, você precisar dar uma pesquisada se tem algo em português ou inglês. Busca pela palavra vendeta, que é a mesma coisa em turco também.

Ivânia disse...

Olá, conheci seu BLOG por indicação e estou amando. Muito obrigada por tantos esclarecimentos.
Fiquei fã.
Tudo de bom e sucesso sempre.
Você vai me ver sempre por aqui.

Hürrem disse...

Muito obrigada Ivânia pelo elogio!
Estou às ordens se quiser perguntar algo.
Abs
Hürrem

Jully1631 disse...

Parabéns pelo blog e pela pagina do face, conheci seu blog fazendo uma pesquisa sobre o significado dos lenços, vi sua postagem entendi que os personagem femininos da novela Sila usam por tradição e não por costumes religiosos, porem minha dúvida é a seguinte: Qual é o significado dos lenços que os homens usam na novela, tipo o pai do Boran, o tio e um outro senhor (que me parecer ser mediador de reuniões de clã) usa como se fosse um torço e tem alguns que usam no ombro, nesse caso eles usam por uma questão de hierarquia, para diferenciar quem já foi agha ou quem tem tanto poder quanto um agha?
Bjus e sucesso sempre!

ITACIRA COSTA disse...

Nossa Hurren, fiquei impressionada com as suas explicações sobre os costumes curdos/árabens e nem imaginava que essa coisa de matar pelos costumes (Vendeta) fosse realmente real. Muito interessante a Band estar colocando no ar novelas que nos permitam conhecer tantos costumes que nem imaginávamos existir nos tempos de hoje. Surpreendente!!!!

Glaura disse...

Parabens Hurrem pelo seu blog . Estou acompanhando a novela e estou adorando .
Gostaria de saber o nome dos atores que interpretam O Boran e Sila .
Abraços
Glaura

Hürrem disse...

Olá Jully,
Então, a questão dos lenços utilizados pelos homens é só uma questão de tradição mesmo (não tem nada a ver sobre hierarquia pelo que sei ) dos povos curdos e árabes. Os turcos homens não usam lenços, sejam eles muçulmanos conservadores ou por tradição. Somente as mulheres turcas usam os lenços, como eu expliquei anteriormente, por tradição ou por religião, já os homens turcos não.

Jully1631 disse...

Obrigada Hurren pela atenção e carinho.

Claudia Garcia disse...

Amei descobrir seu blog...estou assistindo a novela Sila com minha mãe estamos amando a novela. Confesso que já a assisti toda pela internet...Mas, estou vendo novamente! Amando descobrir nova cultura e digo que a muito não assisto novelas brasileiras e nem telejornais. Só estou curiosa para saber se ainda existe essas tradições e costumes e curiosa também a respeito de como eles tomam banho. Ainda é desta forma nessas cidades?....beijos e amei descobrir a história da Turquia vista por quem ama o que faz!! a curiosidade bateu em conhecer esse lugar e olha que AMO a Grécia e não conheço!1

Rogério, Rosy e Camila disse...

Parabéns pelas explicações tão esclarecedoras.
Sila é uma história de lição de que o amor transforma, muda e nada está extaguinado.
Sila e de Mardim porém criada em outro costume por outra família. Uma outra cabeça, outra cosmovisão.
Mas o amor por qual eles lutam para que sobre viva entre as famílias e o clã parece que vai mudar algo na tradição. Estou certa ou é as minhas emoções ao assistir a novela. Um grande abraço
Rosely

tecnologia educacional disse...

Olá, Hurrem acabei de descobrir seu blog...adorei!!!Tenho desejo de conhecer a Turquia e a credito que seu blog traz muitas informações interessantes.
Desde que assisti a novela "Mil e uma noites' me apaixonei ainda mais pela cultura e que conhecer muito mais!!!!
Acompanhei também a Fatmagul e agora Sila....estou amanda a novela e conhecer toda a cultura e costumes que são apresentadas.Abraços e sucesso!!!

tecnologia educacional disse...

Olá, acbei de conhcer seu blog, muito interesssante!!!!

Israel1234 Nascimento disse...

Gostaria de saber se atualmente as pessoas ainda vivem sobre o domínio dos clãs e se realmente se matam as mulheres como mostra na novela,obrigado amo o seu blog,bjs.

Hürrem disse...

Ola pessoal muito obrigada pelo carinho! Israel, da uma olhadinha por favor nos comentarios acima que eu expliquei um pouco sobre esse tema dos clas. Mas sim, infelizmente ainda existem esses clas entre os povos de origem curda e arabe. Os turcos nao tem esse costume. O que e mostrado na novela e um grupo de pessoas que seriam de etnia curda. Bjs

Anônimo disse...

Ola Hurrem, parabéns pelo seu blog e pela interação que faz com seus leitores.É sempre muito bom sabermos sobre outros lugares do mundo a fora,afinal nós todos aqui no Brasil estamos cansados de asauntos como:corrupção,escandalos, assédios e entre outras coisas.Li em um de seus comentários você dizer que na Turquia não tem pessoas pedindo esmolas e que até os pobres levam uma vida boa isso é incrível.Parabéns mais uma vez.Bjos!

Sherezade Shere disse...

Adorei teu blog.As dúvidas aue tinha tirei com você, pois na internet não tive nenhuma orientação.


Vilma Maria disse...

Oi, tudo bem, seu blog veio a calhar, tirei muitas duvidas com suas respostas muito bom mesmo, como é bom aprender coisas novas, curiosidades de um povo e saber que a novela que encanta tanta gente, se trata de assuntos tão polêmicos,mas que não é tão comum, e é isso que encanta na novela, o amor sobrevivendo a tantas diversidades, estou encantada e maravilhada com essa história e pelos personagens, em especial ao Boran e a Sila, claro. Gostaria que você comentasse qual a repercussão na Turquia sobre o sucesso da novela turca aqui no Brasil, após dez anos. Obrigada. bjs

Carmem Angela Teixeira disse...

As informações foram bastantes úteis. Até porque tinha muita curiosidade em compreender melhor a novela. Parabéns pelo blog!!!

Rosana Almeida disse...

Olá!
Pelo pouco que pesquisei, e corrige-me se eu estiver errada, o que consideramos aqui como novelas turcas na verdade são séries turcas, que passam uma vez por semana na Turquia, com duração entre 1h30 e 2h, no formato de temporadas, que podem durar anos dependendo da série. É isso mesmo?
Não existe novelas diárias como aqui no Brasil? E quanto à trilha sonora, abertura, elas são bem "pobres" (sem o sentido pejorativo) comparada com as novelas do Brasil né?
Você teria links das novelas Sila, Fatmagul e/ou Mil e Uma Noites com o idioma original (podendo ter legenda em inglês ou espanhol, ou até sem legenda)? O Brasil anda fazendo cortes na novela, não sei quanto a outros países da América Latina.
Obrigada por esse site maravilhoso!

Hürrem disse...

Olá Rosana, sim você tem toda a razão, exatamente assim, são séries, que passam uma vez na semana e duram em média 2 horas cada capítulo. Não existem novelas diárias, como no Brasil. As trilhas sonoras ainda não foram muito bem exploradas pelas produtoras das séries, por isso não são muito elaboradas.
Sobre assistir as novelas em turco, eu já fiz isso pelo youtube, não conheço outro canal onde se possa assistir os capítulos originais.
Beijos e obrigada pelo elogio.

Josiane disse...

Olá! Parabéns pelo seu blog. Adoro a novela e estou encantada pela Turquia. Suas informações estão me ajudando a entender melhor a cultura Turca. Vc saberia informar se é mesmo verdade que a Cansu Derek e o Mehmet Alá Kurt não se falam desde o término da novela. Eles estão brigados mesmo? E o Mehmet deixou mesmo de fazer séries?

Jane Cortes disse...

Hürrem,primeiro parabéns pelo Blog e a gentileza de compartilhar conosco um pouco do seu lugar, por assim dizer.
Me esclarece uma coisa a dança de casamento realizada, é típica dos curdos especificamente? Pois quando fui pesquisar a respeito de danças em casamentos turcos o que surge é uma em que todos ficam em círculos.

Hürrem disse...

Olá Josiane,
Não sei nada sobre esse tema de relacionamento ou não relacionamento da Cansu Dere e do Mehmet Alakurt. Tem uns grupos no facebook, sobre a novela, e o pessoal debate esses assuntos. Dá uma olhadinha para você acompanhar os babados :) beijos

Hürrem disse...

Olá Jane Cortes,
Eu acredito que a dança é típica dos curdos e árabes, porque eu já fui em casamentos turcos mesmo e nunca vi essa dança.
O normal é essa em círculos mesmo :) :)
Beijos

Unknown disse...

Olá Hürrem, gostaria de saber porque as mulheres após darem a luz, usam uma fita no cabelo.. Obrigada.

Hürrem disse...

Para falar a verdade não sei o significado mas vou perguntar para minha cunhada e te falo :) pois nem meu marido que é turco sabe hahahaha

Camila Navarro disse...

Gostaria de saber se o seriado Emanet foi sucesso na tv turca ?

Hürrem disse...

Olá Camila,
Então, Emanet não foi um sucesso de verdade como foi Fatmagül e Magnífico Século, por exemplo. A TV turca possui inúmeros canais de TV e todos eles com produções de novelas, então o público fica meio dividido com tantas novelas para assistir.

Camila Navarro disse...

Querida Hürrem obrigada por esclarecer minha dúvida.
Por estar encantada pela Turquia, o que aconteceu através das novelas turcas, fui pesquisar sobre os atores turcos e descobri que o Mehmet Akif Alakurt deixou de atuar. Gostaria de saber se já foi esclarecido o porquê?

Hürrem disse...

Olá Camila,
Bom essa é a pergunta que não quer calar. Se é verdade ou não que Mehmet Akif Alakurt deixou de atuar :) A verdade é que ninguém sabe ao certo ainda. Ao que parece ele só está dando um tempo, como muitos atores fazem aqui no Brasil após fazerem muitas novelas seguidas eles dão um tempo, mas não quer dizer que pararam de atuar. O que acontece é que existem muitos fakes se fazendo passar pelo ator e falando um monte de bobagens. Ele mesmo já falou várias vezes sobre isso, que esses fakes o incomodam muito. Então vamos aguardar para ver se aparece alguma notícia real sobre ele mesmo. Minha opinião é a de que ele está só descansando por agora :) Beijocas

Camila Navarro disse...

Muito Obriga pela sua resposta, o meu pensamento é o mesmo. Estou muito feliz com o seu blog . Até breve, beijos.

Lili Bolero disse...

Olá.....acabei de descobrir seu blog e com certeza vou ler tudo pois essa cultura turca despertou minha curiosidade. Você sabe, com relação à novela Sila, por que eles costumam ficar ao ar livre, no sol, sem proteção tendo inclusive móveis, tapetes e ornamentos ao ar livre? Bjs

Hürrem disse...

Olá Lili,
Olha essa questão de alguns móveis ficarem do lado de fora da casa é questão de costume, esse pessoal curdo/árabe gosta disso. Como lá a estação de chuvas é bem definida, eles recolhem as coisas em tempos de chuva, do contrário deixam fora mesmo, questão de gosto :) Eles apreciam muito a questão da vida ao ar livre. Por isso quando esse pessoal mora em apartamento acha que o corredor do prédio faz parte da casa deles e deixam sapatos e coisas nos corredores !!!! Um horror!

Catia disse...

Na novela Sila, as famílias do clã do Boran são muito ricas. Os curdos daquela região são ricos? Do que eles vivem?

Hürrem disse...

Como a própria novela mostra, as famílias mais ricas e poderosas são as famílias Chefes do Clã, já as demais famílias mostradas da novela, incluindo a família da Sila, são pobres... só que a pobreza na Turquia não é como a pobreza no Brasil, aqui nossa pobreza é na verdade miséria, aquelas famílias não chefes do clã são todas pobres, porém não miseráveis, essa é a diferença.
Existem curdos ricos e pobres, claro. Os pobre geralmente vivem do campo e os ricos tem empresas e negócios, desde agrícolas até empresas de exportação de produtos, como é o caso da empresa do Boran.

Antonio Moraes disse...

Bom trabalho,gostei! Parabéns.

Martin Juan Sarracena disse...

Olá Hürrem, Meu nome é Martin - sarrah007@gmail.com - e moro em Porto Alegre, Rio Grande do Sul. Acompanho as novelas turcas desde que apareceram, e gosto demais. fiquei feliz de conhecer seu blog, ao pesquisar sobre tradições turcas. Algumas pessoas do trabalho também acompanham estas novelas e sempre que o capítulo acaba nos telefonamos para comentar. Por isso vou divulgar seu blog com meus colegas.
Já assisti as novelas em espanhol nas minhas viagens de férias para Uruguai, onde são exibidas bem tarde, mas na tv a cabo em casa da minha mãe em Montevidéu pode-se assistir a Bandeirantes em português sem problemas.
Recentemente baixei do youtube a entrevista com Cansu Dere que fez a cantora Li Martins, que canta o tema em português da novela. A atriz disse que sim, acontecem essas coisas na região de Mardin e que a novela suaviza muito para não chocar demais. Quanto a Midyat onde mora Boran, resolvi viajar via Google Earth, adorei a cidade... que uma das minhas colegas achou seca demais "isso deve ser o Ceará da Turquia". sim, já li sua explicação sobre as chuvas. Nunca estive nessa região da Turquia, mas estive em Síria, Iraque e Palestina e conheço bem o clima.
Quanto a úmida Istambul, estive lá também por essas épocas... há mais de 40 anos, quando morei na Europa.
Quero que saiba que gostei demais do seu blog e das suas explicações para as pessoas que comentaram por aqui.
Parabéns!

Hürrem disse...

Olá Martin! Muito obrigada por seu primoroso comentário!
Vc é uruguaio? Eu morei muitos anos no Uruguai também, antes de morar na Turquia. Amo muito Uruguai, tenho muitos amigos no "paisito" última vez que fui de visita foi em 2014. Eu sou natural de Porto Alegre, inclusive :)
Tenho outro blog, que se chama "Outras Pairagens" , onde comecei a escrever sobre outros lugares e escrevi sobre o Museu do Futebol, em Montevidéu. É um blog novo, ainda não escrevi muitas coisas, mas meu próximo artigo será sobre Israel, que também visitei.
Bem vindo e espero continuar contribuindo para falar sobre cultura turca.
Atentos Saludos! :)
Un abrazote :)

Debora disse...

Olá Hürrem,tudo bem ?

Meu nome é Debora , sou de São Paulo , passando para dizer que amei seu Blog , muito esclarecedor quanto aos costumes . A Turquia está no meu roteiro de viagens , porém confesso que ainda tenho certo receio ao visitar certas cidades além de Istambul (terrorismo , segurança , etc ). Lendo seus comentários estou mais tranquila , rsrsrs.
Gostaira de mais informações sobre a culinária ,amo cozinha turca e árabe por serem simples e deliciosas ...
Um abraço , sucesso !

anonimo disse...

Estou amando a novela e é claro, tudo que a gente olha de diferente desperta nossa curiosidade, como os outros comecei a pequisar sobre a Turquia os Agas e tudo mais. gostei bastante da tuas explicações, estas de parabéns. vou procurar tua pagina no face.

anonimo disse...

Também amei na novela os homens cozinho, e aquele sorriso lindo do abai me encanta.

Anônimo disse...

Boa tarde!!!!
Sera que tem alguma chance da band passar o seriado ADANALI, aqui no Brasil
Já vi alguns capitulos emturco e parece muito boa. E o melho é que o protagonista é o MEHMET AKIF ALAKURT, o nosso BORAN.